Armin Linke

November 22 2005 — January 27 2006
Exposição no 1º piso






A Galeria Luisa Strina tem o prazer de apresentar a primeira exposição individual do artista italiano Armin Linke no Brasil a partir do dia 22 de novembro.

Armin Linke é um fotógrafo viajante. Seu arquivo, considerado um dos mais fascinantes da fotografia contemporânea, inclui imagens feitas em todos os continentes ao longo de mais de dez anos em distintos gêneros – retratos, paisagens, interiores, construções, edifícios, cidades, campos, desertos, rios, mares. No Brasil, fotografou em São Paulo, no Rio de Janeiro e em Brasília.

Na presente exposição, o artista mostra mais de 70 imagens de cidades como São Paulo, Córdoba, Gênova, Tóquio, Amsterdã e cidades da Coréia do Norte, Albânia, Índia e Paquistão, por exemplo. A maioria das imagens são ampliadas em pequenas dimensões (50 x 60 cm), porém duas delas (uma de São Paulo e outra de Pyongyang, na Coréia do Norte) tem dimensões maiores (100 x 200 cm), articulando uma comparação formalmente aproximada de duas cidades tão distantes.

As imagens selecionadas são estruturadas em categorias temáticas, formando uma série de mapas que capturam as realidades simultâneas do mundo. O artista se foca em atividades humanas e as mais variadas paisagens naturais ou feitas pelo homem, tentando documentar cenas onde os limites entre ficção e realidade se confundem ou tornam-se invisíveis. Tem interesse por locais que passam por transformações radicais e onde há tempos, línguas e velocidades diferentes, além de arquiteturas imaginárias que indicam um futuro que ainda não chegou.

Nas infindáveis viagens pelo mundo, Linke tem usado tanto filme (o vídeo “Baghdad”, de 2002, também será exposto no terceiro piso da galeria) como fotografia para criar uma documentação de efeitos da globalização, da transformação de cidades em “mega-metrópolis” e suas conseqüências sociais e políticas sobre as condições humanas de vida. Suas fotos em grandes formatos investigam as paisagens contemporâneas e nossa mudança da percepção do espaço. O que Linke faz não é apenas uma pesquisa estética, mas antropológica.

Boa parte de seu arquivo pode ser investigado em seu extenso website www.arminlinke.com e acessado através de diferentes palavras chaves ou temas. No website, através do projeto “Boook on demand” (Livro em demanda), o usuário pode montar seu próprio livro selecionando diferentes imagens do artista.

Armin Linke nasceu em 1966 e Milão, onde vive e trabalha. Realizou várias exposições individuais, inclusive na Galerie Klosterfelde, Berlim (2003), Studio Massimo de Carlo, Milão (2001 e 1999) e no Storefront for Art and Architecture, Nova York (2004). Também participou de várias exposições coletivas, inclusive as Bienais de Veneza (2003), de São Paulo (2002), de Tirana (2001), e atualmente participa da Trienal de Guangzhou, na China.

Back to Top