Tonico Lemos Auad

15 Abril — 14 Maio 2003
Exposição no 1º piso






TONICO LEMOS AUAD A Galeria Luisa Strina apresenta, do dia 15 de abril até 15 de maio de 2003, exposição individual do artista plástico Tonico Lemos Auad. A exposição reúne instalações feitas com carpete e correntinhas de ouro com pingentes, assim como peças em feltro aplicadas nas paredes.

O trabalho de Tonico Lemos Auad traz uma expressão pessoal de experiências e percepções cotidianas, comumente despercebidas ou esquecidas. Sua prática procura reconstituir aparições, re(a)presentando-as como se oferecesse a oportunidade de olhar de novo. O artista utiliza mídias diversas mas que, em algum ponto, se encontram, seja pela qualidade poética, seja pela fragilidade física. Seus desenhos feitos com correntinhas de ouro indicam intervenções suaves no espaço, tão benignas em sua presença física que é possível piscar e não vê-las. Contudo, as figuras formadas pelas correntes não são delicadas em seu conteúdo. Ao contrário, os desenhos ilustram as conotações mais sinistras e mundanas do ouro, como quando se lê, em uma de suas correntes, as palavras “Boca de Ouro”, apelido do bandido que dá nome à peça de Nelson Rodrigues. O senso de fragilidade física encontrada nestes desenhos, é uma qualidade inerente a todo trabalho de Auad. A experiência de andar na ponta dos pés através de uma de suas obras em carpete, onde seres habitam uma vasta paisagem de poliéster com seus corpos macios de penugem, é similar a atravessar um jardim alheio. Morando desde 1998 em Londres, onde concluiu seu mestrado na Goldsmith College, em 2000, Tonico Lemos Auad participou do programa de residência na Gasworks Gallery, em 2001, onde matém ateliê e com a qual realiza projetos colaborativos. Entre as exposições marcadas para este ano, além desta individual, o artista mostra seus trabalhos em Berlim, na Galerie Wiensowsi & Harbord, a partir de 11 de abril, e faz uma outra exposição individual em Dublin, na Project Gallery, durante o segundo semestre de 2003.

Voltar ao Topo